Blog

Seguro de Vida Empresarial x RC Empregador: entenda suas diferenças

Image title

Independente do segmento de atuação, quando falamos em proteção, uma das primeiras preocupações é sobre os riscos aos quais os funcionários da empresa estão expostos, e nestes casos, o empregador é responsável direto pelos danos sofridos pelos seus colaboradores.

Quando se trata da proteção empresarial das empresas, a primeira coisa que vem em mente é a segurança contra situações já “tradicionais” como acidentes, invalidez permanente total ou parcial por acidente e até falecimento, por exemplo.

De acordo com o site de notícias Agência Brasil, o Brasil registra uma morte por acidente de trabalho a cada 3 horas e 40 minutos. Segundo o Observatório Digital de Segurança e Saúde do Trabalho, entre 2012 e 2018 foram contabilizados 17.200 falecimentos dentro dos 4,7 milhões de incidentes relacionados à atividade laboral.

Percebemos que as empresas, independente do seu tamanho e ramo de atuação, ao preocuparem-se com seus colaboradores e buscarem a contratação de um seguro, acabam confundindo o Seguro de Vida Empresarial e o Seguro Responsabilidade Civil do Empregador. Embora ambos tenham como foco a atuação para empresas, empresários e seus colaboradores, elas diferem no tipo de proteção e cobertura.

Confira a diferença entre eles:

  • O que é e como funciona o Seguro de Vida Empresarial?
  • Informações importantes sobre Seguro de Vida;
  • O que é e como funciona o seguro de RC Empregador?
  • Alguns exemplos de cobertura do Seguro RC Empregador;
  • Mas qual é a principal diferença entre Seguro de Vida Empresarial e Seguro RC Empregador?


O que é e como funciona o Seguro de Vida Empresarial?

O Seguro de Vida faz parte do grupo de produtos que compõem o programa de benefícios para os colaboradores da empresa.

Mesmo sendo contratado pelas empresas para atender as exigências do dissídio coletivo de cada categoria, este tipo de seguro oferece um importante “acolhimento” aos familiares do colaborador em caso de falecimento do mesmo, além de todo o amparo com as despesas de funeral, em como ao próprio colaborador em caso de acidente de trabalho que cause uma invalidez permanente total ou parcial.

Informações importantes sobre Seguro de Vida

  • Não existe limitação de quantidade de apólices por CPF, ou seja, uma pessoa ou empresa pode contratar quantas apólices de seguros de vida entender que seja necessária.
  • Seguro de Vida não entra em inventário.
  • Como definir um capital segurado mínimo necessário para dar o suporte à família do segurado (principal provedor do lar) no caso de sua falta? Segundo estudos do mercado segurador, uma família precisa de pelo menos 36 meses para se recuperar do trauma da perda de um ente querido. Dessa forma, sugerimos tecnicamente que o segurado some todas as despesas mensais (aluguel, escola, dívidas diversas, luz, condomínio, água, alimentação, lazer, roupas, etc) e multiplique por 36. O resultado deste levantamento será o Capital de Morte Natural mínimo a ser contratado pelo segurado.


O que é e como funciona o seguro de RC Empregador?

A apólice de Responsabilidade Civil do Empregador é uma das coberturas acessórias contratadas nas apólices de seguro patrimonial ou RCG (Responsabilidade Civil Geral), ou seja, protege não só o patrimônio da empresa como também garante suporte ao colaborador na ocorrência de sinistros de funcionários CLT (Carteira Laboral de Trabalho), terceirizados e até quarteirizado.

Alguns exemplos de cobertura do Seguro RC Empregador

- Morte acidental e invalidez total ou parcial do empregado ou terceirizado;

- Acidentes ocorridos fora da empresa, quando o empregado estiver a seu serviço;

- Acidentes ocorridos durante o percurso de ida e volta do trabalho, quando a viagem for realizada por veículo de propriedade ou contratado pelo Segurado.

- Acidentes causados por ações necessárias às atividades de sua empresa, inclusive carga e descarga;


Mas, vale ressaltar que a apólice do Seguro de Responsabilidade Civil do Empregador só vai ser acionada caso o funcionário tenha danos fatais ou invalidez permanente e seus familiares ingressem com ações na justiça pleiteando indenizações.


Mas qual é a principal diferença entre Seguro de Vida Empresarial e Seguro RC Empregador?

Caso ocorra um acidente de trabalho, mesmo contratando o Seguro de Vida em Grupo e oferecendo todo o respaldo à família do colaborador em caso falecimento e/ou invalidez permanente total ou parcial por acidente de trabalho, há chances de a família ingressar com um processo indenizatório contra a empresa, pedindo uma indenização além de danos morais e estéticos. Neste caso ainda, todas as despesas com a contratação de assessoria jurídica para defender os interesses da empresa segurada estarão amparadas pela apólice.

Os valores envolvidos neste tipo de ação geralmente são elevados, por estes motivos a importância de contratar a cobertura de RC Empregador, composta por uma IS – Importância Segurada de no mínimo R$1 milhão de reais.

Caso a empresa ofereça o transporte aos colaboradores nos deslocamentos de ida/vinda ao local de trabalho, acaba por concentrar sua exposição ao risco, dessa forma a IS deve ser consideravelmente maior.

Saiba mais: A Zattar Seguros é especialista em Seguros Corporativos

Conte com consultores experientes para encontrar as melhores soluções em seguros para sua empresa.

A Zattar Seguros é especialista em seguros corporativos como Seguro de Vida em Grupo e Seguro de RC Empregador.

Clique aqui para falar com o nosso atendimento.

Fonte: Zattar