Blog

Conheça a diferença entre Riscos de Engenharia e RC Obra

Image title



Os incidentes no canteiro de obras estão entre as principais causas de atrasos e perdas durante a construção de um empreendimento. Por isso, medidas protetivas como os seguros de Riscos de Engenharia e RC Obra são vistas como uma boa estratégia no gerenciamento de riscos para a construção civil.

As duas modalidades se destacam por oferecerem uma segurança financeira diante de eventuais prejuízos ao longo da execução de um projeto. Mas você sabe para quais situações os seguros são indicados e a importância de cada um?

O que é e o que cobre o seguro de Riscos de Engenharia?

Também conhecido como “Seguro Obra”, ou “Seguro Construção”, o seguro de Riscos de Engenharia é uma modalidade de proteção que pode ser contratada por construtoras, incorporadoras e empreiteiras durante a execução de uma obra de construção civil.

Ele pode ser indicado para vários tipos de obras, como edifícios residenciais/comerciais de grande porte, obras de infraestrutura, obras de instalação e montagem de máquinas e/ou equipamentos.

Seu objetivo é proteger o patrimônio da obra, como o próprio nome já diz, dos principais riscos que envolvem o segmento, como acidentes, furto/roubo e desastres naturais. Assim, o seguro de Riscos de Engenharia garante uma indenização para cobrir prejuízos e danos materiais causados por imprevistos que possam danificar ou destruir a construção, podendo incluir também os materiais, equipamentos e máquinas utilizadas na obra.

A principais coberturas do seguro de Riscos de Engenharia

A cobertura de Riscos de Engenharia pode variar de acordo com a seguradora ou o porte da obra. Em geral, as principais coberturas que a modalidade atende incluem:

- Desastres naturais como ventanias, tempestades, raios, inundações, enchentes e alagamentos;
- Incêndio e explosão;
- Roubo e furto qualificado;
- Danos indiretos de material defeituoso;
- Danos indiretos de erro de execução;
- Desmoronamento da construção e suas estruturas (exceto por erros de projeto).

O que é e o que cobre o seguro RC Obra?

Tão importante quanto proteger a obra de danos materiais, é cada vez mais necessário estar atento aos riscos relacionados aos danos a terceiros causados por algum incidente durante a execução de uma obra. Por isso, o Seguro de Responsabilidade Civil Geral Obras, popularmente conhecido por RC Obra também deve fazer parte da gestão de riscos de uma construção.

Em resumo, o RC Obras pode oferecer amparo jurídico e financeiro quando o segurado é responsabilizado judicialmente por um dano causado a uma pessoa ou organização durante a realização de obras civis e/ou da prestação de serviços de montagem, desmontagem, reparo e instalação de máquinas e/ou equipamentos.

Este seguro está relacionado a situações como acidentes de trabalho e prejuízos a edificações de terceiros, entre outros.

A principais coberturas do seguro RC Obra

A apólice do RC Obras também pode ser adequada ao porte da obra, sendo sua principal cobertura o amparo a danos materiais e corporais causados a terceiros em decorrência de acidentes ocorridos durante a execução da obra ou serviço. Outras coberturas adicionais também podem ser contratadas, como:

- Danos Morais e/ou Estéticos
- Erro de Projeto
- Lucros Cessantes em Decorrência de Responsabilidade Civil
- Objetos Pessoais de Empregados Sob a Guarda do Segurado
- Danos Materiais Causados ao Proprietário da Obra
- Derramamento, Infiltração e/ou Descarga de Água
- Responsabilidade Civil Cruzada
- Responsabilidade Civil Riscos Contingentes Veículos Terrestres Motorizados

Qual é a diferença entre seguro risco de engenharia e seguro de responsabilidade civil de obras?

Como vimos, apesar de se destinarem ao mesmo setor, os seguros se diferem por atenderem diferentes esferas e podem ser contratados em conjunto. O Risco de Engenharia protege o segurado contra eventos que causam danos ao patrimônio material da obra. Enquanto o seguro RC Obras, protege o segurado diante de uma situação de processo ou indenização de danos a terceiros ocasionada por uma falha de segurança do trabalho.

Uma cobertura completa é essencial para proporcionar mais segurança e tranquilidade para uma obra. Por isso, é sempre importante entender os riscos e buscar uma proteção adequada às suas reais necessidades.

Fonte: Zattar